Mudanças pastorais no arciprestado de Pinhel-Figueira de Castelo Rodrigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

site da Diocese da Guarda dá conta das nomeações que o prelado da Guarda, D. Manuel Felício, fez este ano pastoral, onde se registam algumas mudanças na paroquialidade desta zona da diocese, sobretudo o que concerne ao concelho de Pinhel.

Os Padres Ricardo Manuel de Jesus Fonseca e Delfim Pires passam a trabalhar, como Párocos in solidum, sendo moderador o primeiro, de Lameiras, Vascoveiro, Manigoto, Vendada, Lamegal e Pomares, com a cooperação pastoral do Rev.do Diácono Pedro Miguel Santos Ferreira. O Padre Ricardo assume também a paróquia de Souropires, com a cooperação pastoral do Rev.do Diácono Pedro Miguel Santos Ferreira. E o Padre António dos Santos Freire assume as paróquias de Sorval, Santa Eufémia e Pála, com a cooperação pastoral do Rev.do Diácono  José da Silva Tenreiro.

DIÁCONO JOSÉ TENREIRO

Uma vez que concluiu o seu estágio pastoral nas comunidades da unidade pastoral de Pinhel, o diácono José Tenreiro vai passar, a partir de 16 de outubro, a servir as paróquias ao cuidado do Padre António Freire. As paróquias da unidade pastoral de Pinhel, assim como o seu pároco, padre Jorge Castela, agradecem o empenho e a dedicação que teve ao longo deste tempo, muito do qual em pandemia. Note-se que o diácono Manuel Neves continua a ser cooperador pastoral desta unidade pastoral na medida das suas possibilidades de saúde.

SERVIÇOS EXEQUIAIS NA AUSÊNCIA DO PÁROCO DE PINHEL

Na ausência do pároco da unidade pastoral de Pinhel, o padre Jorge Castela, por motivos dos seus estudos, o senhor bispo nomeou como responsável dos eventuais serviços exequiais dessas paróquias, o padre António Freire. Nos dias em que o nosso pároco não poder, será responsável pela organização das cerimónias exequiais o padre António Freire, independentemente de ser ele ou não a presidir às mesmas