Livro “Evangelizar em Tempos de Mudança” em destaque no Jornal A Guarda

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

O livro que o pároco de Pinhel editou no início deste ano e que estava previsto ser apresentado ao público a 29 de março, mas que, por causa da pandemia, teve de ser adiado, já está disponível nas livrarias e no Centro Pastoral de Pinhel. O Jornal a Guarda desta semana deu destaque à sua publicação:

“Evangelizar em Tempos de Mudança” é o título do livro do padre Jorge Castela, pároco de Pinhel, editado pelas Edições Salesianas.

“Numa época particularmente difícil para a transmissão da fé, como conceber a missão da Igreja? Que projecto de Igreja nos deve orientar? Que projecto pastoral adoptar? Como evangelizar em tempos de mudança?” São estas as questões que motivaram a redacção desta tesina apresentada na Universidade Pontifícia de Salamanca para conclusão da Licenciatura Canónica em Teologia Prática.Nesta obra o autor revisita e aprofunda a missão da Igreja no contexto da descristianização do mundo ocidental.

Partindo da análise do contexto cultural, analisa a acção evangelizadora da Igreja desde o Concílio Vaticano II aos dias de hoje, fazendo uma leitura cruzada de três grandes documentos sobre a evangelização: Evangelii Nuntiandi, de Paulo VI; Redemptoris Missio, de João Paulo II; e Evangelii Gaudium, de Francisco.

Entendendo a fé como um acto comunicativo e relacional, procura abrir caminhos sobre o que fazer nesse espaço que medeia os emissores e os receptores da evangelização.Uma reflexão actual, necessária, que pode ajudar o leitor a repensar os modelos pastorais e a encetar caminhos de renovação eclesial.

Jorge Castela é padre da Diocese da Guarda. Nasceu em Trancoso (1971), frequentou os seminários da Guarda, terminando a licenciatura em teologia no Instituto Superior de Teologia das Beiras e Douro, filiado na Universidade Católica Portuguesa. Em 2018 concluiu a Licenciatura Canónica em Teologia Prática na Faculdade de Teologia da Universidade Pontifícia de Salamanca, tendo defendido a tese que se apresenta neste livro. Foi distinguido com “Prémio Extraordinário de Grado” da Universidade Pontifícia de Salamanca.

É sacerdote desde 1996. Foi responsável do Departamento da Pastoral Juvenil da Diocese da Guarda entre 2001 a 2011.

Autor, compositor e intérprete, fundou a Banda Jota, projecto musical de evangelização juvenil que é, ainda hoje, uma referência no panorama musical católico português. Actualmente é pároco de Pinhel e Coordenador Pastoral da Diocese da Guarda.

in A Guarda