JMJ 2023 desafia jovens a dois dias de missão solidária

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

Uma delegação com dez jovens de dioceses nacionais vai receber este domingo, no Vaticano, a Cruz das Jornadas Mundiais. O grupo integra representantes de diversas dioceses nacionais e alguns elementos da organização da Jornada Mundial da Juventude 2023, numa comitiva presidida pelo cardeal-patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.

Por outro lado, esta organização da JMJ Lisboa 2023, e as dioceses portuguesas convidam os jovens a participar num “grande movimento nacional” que pretende levar “esperança e alegria a todo o país”, nos dias 28 e 29 de novembro. “Desafiamos cada jovem a fazer missão onde quer que esteja, dando assim expressão ao tema proposto pelo Papa Francisco para a JMJ Lisboa 2023: ‘Maria levantou e partiu apressadamente’ Lc 1, 39)”,pode ler-se na nota divulgada online.

Telefonar “a alguém que está sozinho”, marcar uma conversa digital com um familiar mais distante, ajudar uma família em dificuldades, colaborar com uma instituição de solidariedade local ou realizar uma tarefa na sua paróquia… são apenas alguns dos gestos sugeridos. O Comité Organizador Local convida também os jovens a vestir a t-shirt com o logótipo da JMJ 2023, para “dar visibilidade a este grande movimento de esperança” e a partilhar uma fotografia da missão, com o nome, localidade e uma breve descrição do que foi realizado. As fotografias podem ser enviadas através das redes sociais (Facebook e Instagram) da JMJ Lisboa 2023, por WhatsApp (912 593 144) ou email (comunicacao@lisboa2023.org) para depois serem partilhadas online.