ERMIDAS: Pereiro peregrina à ermida de Nossa Senhora da Ajuda

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

A paróquia do Pereiro, com as suas comunidades anexas de Gamelas e Mangide, vai peregrinar à ermida de Nossa Senhora da Ajuda no dia 20 de agosto, Sábado.

Pelas 21h00 desse dia, haverá celebração da Eucaristia em honra e louvor de Nossa Senhora da Ajuda, seguida de procissão.

No final, está previsto um momento de convívio.

 

In “Portugal antigo e moderno”, de Pinho Leal, (1876, vol 7 , pág 256)

Houve aqui (em Gamelas) uma ermida, dedicada a Nossa Senhora de Magide, cuja origem, segundo a lenda, foi a seguinte:

No século XII, se reuniram os cristãos destas terras, com grande ânimo, e confiados na protecção da Santíssima Virgem, e no sítio onde depois se edificou a ermida (que é em um ermo) atacaram uma legião de mouros, à voz de “A virgem me ajude” — e alcançaram uma grande vitória, expulsando para sempre os árabes deste país; e, em acção de graças, edificaram a capela, colocando no altar-mor (o único) a imagem de Nossa Senhora, que haviam mandado fazer, e à qual deram o titulo de Nossa Senhora Ajude, que se veio a corromper em Nossa Senhora de Magide.

Antigamente, ia todos os anos, a câmara e o povo de Pinhel, e seus arrabaldes — ao menos, uma pessoa de cada casa — em cumprimento de um voto antiquíssimo, em procissão a esta capela, na 2.ª feira depois da “dominica in albis”.

Ainda em comemoração desta vitória, o povo da aldeia de Vale de Madeira, a uns 3 quilómetros da capela, saía com uma bandeira, a esperar o povo e câmara de Pinhel, que lhe dava um ataque simulado, tomando-lhe a bandeira (pois os desta aldeia faziam o papel de mouros) e depois, se juntavam todos, e iam para o templo.