DIOCESE: Serviços Diocesanos de Pastoral reuniram no Seminário da Guarda

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

“Colocar os diferentes serviços diocesanos de pastoral e respectivos departamentos em diálogo” foi o principal objectivo da reunião que decorreu no último sábado, 24 de Outubro, nas instalações do Seminário da Guarda. O encontro, convocado pelo Bispo da Diocese, foi orientado pelo Coordenador Diocesano da Pastoral, padre Jorge Castela, que clarificou o que se pretende dos serviços diocesanos e do seu organigrama, tendo em conta a proposta para uma reorganização da Diocese da Guarda. O encontro também serviu para, em espírito sinodal, se tomarem algumas decisões em conjunto para o futuro destes serviços e para apontar prioridades pastorais.

Sobre este encontro, D. Manuel Felício disse que “a vida de qualquer comunidade e também das comunidades cristãs precisa de carismas e de serviços para os motivar, formar e organizar, a fim de se conseguir o desejado bem de todos e da comunidade enquanto tal”. Adiantou que “nas comunidades cristãs há dimensões e tarefas muito concretas que são estruturantes da sua vida, como são a formação e celebração da Fé, a prática do mandamento do amor aplicado a diferentes circunstâncias, onde o cuidado dos pobres assume importante prioridade”.

D. Manuel Felício disse que “os mundos da Família e dos leigos, bem como a responsabilidade evangelizadora e a missão comum a todos precisam de ser devidamente cuidados”. Lembrou que a Fé é vivida “em contextos concretos, onde a cultura e a comunicação são fatores determinantes, hoje mais do nunca e igualmente precisam de ser tidos na devida consideração nas comunidades cristãs”.

O Bispo da Guarda considera que “para potenciar este conjunto de vertentes na vida das comunidades cristãs a que correspondem responsabilidades concretas para serem exercidas nos vários âmbitos e níveis da vida da Diocese é necessária uma escola de formação, no caso a Escola Teológica de Leigos”.

mais em Diocese da Guarda