2020: Um ano para valentes!

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

O ano de 2020 vai ficar marcado na nossa memória e na história do mundo como um ano de adversidade ímpar, como um ano em que se hipotecaram muitas coisas, actividades, acontecimentos e vidas.

Na nossa comunidade cristã, sendo um ano de especial aniversário pelos 250 anos da diocese de Pinhel, também não foi possível assinalar a ocasião como gostaríamos. E, embora, desde a saída do confinamento, se tenha tentado voltar à normal e habitual vivência da comunidade cristã, alguns projectos, celebrações, festas e sacramentos foram adiados ou suspensos. Talvez a realidade mais dolorosa seja a que se prende com os funerais, pois, ainda que feitos com dignidade, não foi possível realizar as despedidas conforme se desejaria para o normal luto.

Mas não se parou, porque a vida e a fé são um trabalho diário e constante, e com certeza que houve muita coisa positiva no meio desta adversidade.

Em termos paroquiais, é de assinalar o esforço por valorizar as igrejas domésticas que são as famílias, sobretudo com celebrações familiares; a duplicação do número de celebrações eucarísticas e os planos de contingência adequados às necessidades; o retomar da catequese em segurança; a criação e o fomento de novos espaços de comunicação e de inter-acção; entre outros pequenos projectos e dinâmicas, mais visíveis ou mais discretos, para alimentar a caminhada de fé.

Queremos, entretanto, destacar o espaço do centro paroquial que se readaptou para funcionar como capela, onde o nosso pároco nos dias de confinamento e de folga tem celebrado a eucaristia e passado algumas horas de oração por todos. Por isso, desde o início do confinamento, em março, que a parede deste espaço se foi enchendo de fotografias com famílias por quem o pároco foi rezando particularmente. A parede ali permanece e têm chegado mais fotos. Caso queira, ainda esperamos a sua.

Há que olhar sempre com esperança e fé todo o nosso peregrinar, mesmo no meio da adversidade!